• Home
  • Dicas
  • Guia dos bairros de Londrina: quais são os melhores para investir e morar?

Guia dos bairros de Londrina: quais são os melhores para investir e morar?

Seja para investir ou morar, qualquer pessoa deve pesquisar a fundo qual local é mais benéfico para seus objetivos e necessidades, que atende requisitos básicos para uma estadia segura e confortável.

E é por isso que nós da Perfeito Empreendimentos Imobiliários preparamos esse conteúdo especial, destacando por que Londrina é seu destino ideal, e quais os melhores bairros para se morar.

Afinal, muitas pessoas buscam um grande polo comercial, econômico, de trabalho ou estudantil, que lhe dê uma possibilidade de evolução pessoal e profissional e que reúna tudo o que for necessário para os melhores dias da sua vida. E Londrina tem tudo isso!

Confira agora o Guia de Bairros de Londrina, e conte com a Perfeito para garantir seu novo imóvel, seja para alugar ou investir em um empreendimento na terra do Pé Vermelho.

É bom morar em Londrina?

Após a geada negra de 1975 dizimar as plantações de café do norte e noroeste do Paraná, Londrina, que era até então conhecida como a Capital Mundial do Café, precisou se reestruturar buscando outras formas de investimento e diversificação da economia local.

Se por um lado esse foi um fator negativo, acarretando numa perda enorme para produtores locais, por outro permitiu que a cidade expandisse de outras maneiras, e desde então, indústrias, empresas de serviços e o comércio em geral desenvolveram Londrina como conhecemos hoje, a 4ª cidade mais populosa da região Sul do Brasil.

Londrina é a 18ª melhor cidade brasileira para morar

Toda essa expansão fez com que hoje Londrina seja a 18ª melhor cidade brasileira para se morar, de acordo com o Desafios da Gestão Municipal 2021, levantamento anual realizado pela Macroplan para medir índices de desenvolvimento e evolução dos municípios, pautados em quatro áreas essenciais para a qualidade de vida: educação, saúde, segurança e saneamento e sustentabilidade.

Destaque em Educação Básica e Ensino Superior

Segundo o ranking, Londrina tem nota 6.8 no índice de desenvolvimento da Educação Básica, o que garante uma pontuação maior que a média dos primeiros 100 municípios brasileiros, e a deixando na 10ª colocação geral na tabela educacional.

Esse índice é importante, pois garante Londrina como uma cidade preparada e consolidada para o ensino básico, sendo uma ótima opção para uma educação de qualidade para o seu filho. Além disso, a cidade tem 37,9% das crianças de 0 a 3 anos matriculadas em creches e 100% acima de dos 4 anos.

Ainda falando em educação, mas ampliando o escopo, Londrina é também considerada uma cidade universitária, por ser um grande polo de Ensino Superior, destacando-se com as públicas Universidade Estadual de Londrina (UEL) e Universidade Federal Tecnológica do Paraná (UTF-PR), e também com particulares, dentre elas Unifil, Unicesumar, Unopar e outras.

Saneamento básico em toda cidade

Outro índice de destaque há muitos anos se dá em relação ao saneamento básico. Londrina tem 100% da sua área com atendimento de esgoto e abastecimento de água, e 90,8% com tratamento de esgoto.

Saúde é ponto alto

Conforme o estudo, a cidade também apresentou dados de destaque em relação à saúde, com uma taxa de 11,1 em mortalidade infantil e 85,7% de proporção em nascidos vivos com mais de sete consultas de pré-natal – índices melhores que a média dos 100 primeiros municípios.

Segurança acima da média

Finalizando o estudo, números de segurança também tiveram destaque no relatório. Afinal, Londrina teve um decréscimo de 31,4% do número de homicídios por ano entre 2009 e 2019. No levantamento, a taxa de homicídios por 100 mil habitantes foi de 16,8, menor que a média dos 100 primeiros municípios.

Os melhores bairros de Londrina
Foto: Arquivo/Vivian Honorato

Por que morar em Londrina?

Além de todos esses benefícios citados, Londrina ainda fornece algumas características importantes.

Com a expansão recente, hoje os londrinenses têm a sensação de morar em cidade grande, mas também com muita facilidade no deslocamento e com acessos rápidos para qualquer local.

Além disso, obras de infraestrutura, melhorias no transporte público, ampliação de serviços como aplicativos de caronas, construção de ciclovias e outros fatores destacam a mobilidade urbana como um dos pontos altos da cidade.

Outra característica muito consolidada em Londrina é o seu comércio varejista, que movimenta a maior parte do PIB da cidade. E aqui, vai desde o de rua, como o calçadão, até os de grandes shoppings centers.

A expansão da cidade ainda proporcionou uma grande variedade gastronômica, com pratos variados para todos os gostos, bolsos e de todo lugar. Além disso, a cidade tem uma forte presença de lanches e hambúrgueres, com lanchonetes em todos os cantos da cidade.

A cultura londrinense também é referência até mundial, com eventos como o Filo -Festival Internacional de Londrina, o FIML – Festival Internacional de Música de Londrina e outros que movimentam a economia da cidade o ano todo. Principalmente após a reconstrução do Cine Teatro Ouro Verde, a cena cultural da cidade cresceu bastante e oferece inúmeras opções para todas as preferências.

E ainda pensando no lazer, Londrina oferece uma variedade de pontos turísticos como o Lago Igapó, Zerão, Jardim Botânico, Museu Histórico, Museu de Artes, além de diversas praças revitalizadas.

Mas um dos tópicos mais importantes é saber se é caro morar em Londrina. Conforme o site Custo de Vida, especializado nesses levantamentos, com todas essas características positivas citadas acima, ainda é mais barato morar aqui do que em municípios como Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba, Belo Horizonte, Campinas, Joinville e São Paulo.

Mas o que devemos considerar antes de comprar um imóvel ou investir?

Dado os bons números levantados no Índice de Desafios de Gestão Municipal 2021 e tudo que a cidade apresenta, Londrina é uma excelente escolha para você morar e investir. Mas, o que deve ser analisado antes de escolher o melhor local para se morar?

Por mais que alguns itens se destaquem, Londrina é grande e determinados serviços não contemplam toda a cidade. Logo, é importante observar a segurança local, infraestrutura do bairro, mobilidade urbana, comércio, hospital e pronto-atendimentos mais próximos, entre outras questões.

Melhores bairros de Londrina

Considerando os fatores destacados acima, a Perfeito preparou uma lista dos melhores bairros londrinenses. Alguns se destacam pela segurança, outros por serem tradicionais, ou mais novos, mas todos são bem localizados, tem infraestrutura e podem te oferecer tudo que precisa de maneira rápida.

Gleba Palhano

Bairro Gleba Palhano, Londrina
Foto: Roberto Custódio

O bairro Gleba Palhano está em uma das regiões mais valorizadas da cidade. O local que um dia já foi uma fazenda, hoje se destaca pelos prédios luxuosos, verticalidade e tudo que uma região precisa.

A Gleba tem shopping, academias, supermercados, bares, clubes, farmácias, hospitais e está muito bem localizada, entre o Catuaí Shopping e a UEL, além de rápido acesso ao centro.

Estima-se que a região que mais cresce em Londrina hoje já tenha uma população de cerca de 20 mil pessoas.

Quanto custa morar na Gleba Palhano?

Um imóvel à venda na Gleba Palhano, entre 70 e 80 m², tem custo médio estimado de R$ 591.500.

Já o aluguel de um apartamento na Gleba Palhano, com essa mesma metragem custa em média R$ 2.500 por mês.

Confira imóveis à venda ou para alugar na Gleba Palhano.

Bela Suíça

Bairro Bela Suíça, Londrina
Foto: @jvc_drone

Uma das áreas mais nobres do Paraná, o Jardim Bela Suíça também é uma excelente opção para investir ou morar. Sua proximidade com regiões importantes da cidade com as avenidas Higienópolis e Madre Leônia Milito, a própria Gleba Palhano e o Lago Igapó garantem qualidade de vida e muita facilidade aos moradores.

Quanto custa morar no Bela Suíça?

Um apartamento à venda no Jardim Bela Suíça, de 45 m², tem custo médio estimado de R$ 492.000.

Já o aluguel de um apartamento no Bela Suíça, com 70m² custa em média R$ 1.800 por mês.

Confira imóveis à venda ou para alugar no Jardim Bela Suíça.

Jardim Higienópolis

Bairro Jardim Higienópolis, Londrina
Foto: @drone_imagensaereas

Com ótima localização, entre as avenidas Higienópolis e Juscelino Kubitscheck, perto do Lago Igapó e do Centro, o Jardim Higienópolis traz como maior vantagem uma grande comodidade, afinal, tem acessos próximos e rápidos a hospitais, supermercados e comércio.

Além disso, o lazer também é garantido, já que a Área de Recreação e Lazer Luigi Borghesi, popularmente conhecida como Zerão, fica lá, sendo uma ótima opção para a prática de exercícios ao ar livre ou levar as crianças para brincar.

Quanto custa morar no Jardim Higienópolis?

Um imóvel à venda no Jardim Higienópolis, entre 60 e 80 m², tem custo médio estimado de R$ 365.000.

Já o aluguel de um apartamento no Jardim Higienópolis, com 80m² custa em média R$ 1.450 por mês.

Confira imóveis à venda ou para alugar no Jardim Higienópolis.

Inglaterra

Bairro Inglaterra, Londrina
Foto: Artenge

Perto do final da Avenida Dez de Dezembro e do Parque Municipal Arthur Thomas, está localizada a região da Inglaterra, que abrange vários bairros e cresceu muito ultimamente.

Pela facilidade de acesso a vias importantes da cidade, e também a Rodovia Celso Garcia Cid, a região atraiu diversos investimentos imobiliários. Destaca-se também, a variedade que a Avenida Inglaterra oferece com mercados, bares, restaurantes, farmácias e comércio em geral.

Quanto custa morar no Inglaterra?

Um imóvel à venda na região da Inglaterra, entre 55 e 70 m², tem custo médio estimado de R$ 235.000.

Já o aluguel de um apartamento no Inglaterra, com 50m² custa em média R$ 800 por mês.

Jardim Quebec

Bairro Jardim Quebec, Londrina
Foto: Douglas Estevam

Para quem busca um bairro mais residencial, mas com ótima localização, o Jardim Quebec pode ser uma excelente opção.

Situado entre as Avenidas Maringá e Juscelino Kubitscheck, o bairro vai desde o Lago Igapó até a Avenida Tiradentes, e contempla várias opções de supermercados, restaurantes, farmácias, escolas e comércio, além de rápido acesso ao Centro e zonas oeste e norte.

Quanto custa morar no Jardim Quebec?

Uma casa à venda, de 211 m², está avaliada em torno de R$ 900.000 no Jardim Quebec.

 Confira imóveis à venda ou para alugar no Quebec.

Shangri-lá

Bairro Shangri-la, Londrina
Foto: José Candido de Carvalho Neto

Se você busca um bom lugar na zona oeste londrinense, que tal morar em um dos bairros mais tradicionais do Paraná? O Jardim Shangri-lá é um pedaço do passado de Londrina que ainda se mantém intacto no presente.

Localizado próximo às Avenidas Rio Branco, Tiradentes e Brasília, o bairro tem ampla variedade de estabelecimentos comerciais e de serviços, mas com destaque especial ao Mercado Municipal Shangri-lá, um dos pontos mais tradicionais do comércio londrinense.

Quanto custa morar no Jardim Sangri-lá?

Um imóvel à venda no Jardim Shangri-lá, entre 50 e 70 m², tem custo médio estimado de R$ 387.500.

Confira imóveis à venda ou para alugar no Shangri-lá.

Jardim Morumbi

Bairro Jardim Morumbi, Londrina
Foto: Adriana Thon

Se a preferência for morar na zona leste, o Jardim Morumbi oferece ótimas opções de investimento. Com localização próxima à Avenida dos Pioneiros e Avenida das Laranjeiras, o bairro também é uma das áreas que mais se expandem em Londrina.

Além disso, ele é um ponto de acesso rápido para quem quer estudar na UTF-PR, e se destaca pela proximidade ao Boulevard Shopping e ao Terminal Rodoviário de Londrina.

Quanto custa morar no Jardim Morumbi?

Um imóvel à venda no Jardim Morumbi, entre 50 e 70 m², tem custo médio estimado de R$ 338.250.

Confira imóveis à venda ou para alugar no Jardim Morumbi.

Melhores bairros para morar em casa

Dados os critérios de localização, acessos, serviços próximos e, principalmente, a segurança, destacam-se os seguintes bairros para morar em casa em Londrina.

  •       Aurora
  •       Bela Suíça
  •       Jardim Morumbi
  •       Jardim Quebec
  •       Mediterrâneo
  •       Shangri-lá
  •       Terra Bonita

Melhores bairros para morar em apartamento

Considerando acessos, serviços, localização e facilidade de deslocamento, os seguintes bairros podem ser os mais recomendados para morar em apartamentos.

  •       Gleba Palhano
  •       Guanabara
  •       Inglaterra
  •       Jardim Higienópolis
  •       Vila Ipiranga

Vale a pena investir em Londrina?

A construção civil vem sendo uma das principais forças para retomada do crescimento pós-pandemia em Londrina. Afinal, o setor é responsável por 15% do PIB do município, e movimentou cerca de R$ 2 bilhões em 2021.

Isso tudo também se dá pelo desempenho de lançamentos e venda de imóveis na cidade, com 3,9 mil novas unidades lançadas no último ano, e mais de 1 mil unidades vendidas no primeiro trimestre de 2022.

Londrina vem se mostrando como um mercado ativo, crescente, e em ritmo rápido, acima da média de outros municípios, dada a dinâmica da população e expansão da cidade. É um movimento onde o mercado cria a oferta e a população atende à demanda.

Além disso, a cidade se mostra como um importante expoente de investimento do mercado de empreendimentos verticais, já que eles representam ainda 20% dos imóveis da cidade, e ultimamente vem se verificando a preferência de compra desses imóveis por conta, principalmente, da maior segurança em comparação com casas.

Melhores bairros para investir

Considerando as regiões que recebem mais investimento, tendência de valorização, empreendimentos de alto padrão e condomínios horizontais fechados de luxo, a zona sul da cidade surge como um grande potencial de bom negócio tanto para o presente, como no futuro, e esses são alguns dos melhores bairros para investir em Londrina.

  •       Aurora
  •       Condomínio Royal Golf
  •       Gleba Palhano
  •       Portal de Versalhes
  •       Royal Maison Residence
  •       Terra Bonita
  •       Terras de Santana
  •       Vale das Araucárias

 

Curiosidades sobre os bairros de Londrina

Qual o melhor bairro de Londrina?

Gleba Palhano.

Qual o bairro mais antigo de Londrina?

Vila Casoni, criado em 1936.

Qual o maior bairro de Londrina?

Cinco Conjuntos, com população estimada de mais de 45 mil pessoas.

Qual o bairro mais barato para morar em Londrina?

Não existe um índice exato de bairro mais barato para morar em Londrina, mas as regiões mais afastadas do Centro ou locais de grande apelo como shopping centers e maiores supermercados tem uma tendência a ter alugueis ou valor do imóvel em um preço reduzido.

Qual o bairro mais caro para morar em Londrina?

Não existe um índice exato de bairro mais caro para morar em Londrina, porém, condomínios de luxo e grandes empreendimentos da zona sul, que engloba Gleba Palhano até a parte de trás de Catuaí Shopping e Jardim Bela Suíça concentram os imóveis de maior custo.

Seja para morar ou investir, encontre o imóvel ideal para você na Perfeito

PerfeitoEmpreendimentos Imobiliários

Se você busca investir ou fincar raízes em Londrina, mas em um lugar muito mais aconchegante e confortável, que traga todos os benefícios necessários para a sua família, conte com a Perfeito.

Temos uma equipe especializada e pronta para atender as suas demandas e te ajudar a encontrar o seu imóvel perfeito. Entre em contato conosco!

*Os preços médios usados como base para esse artigo foram pesquisados em setembro de 2022.